terça-feira, 14 de dezembro de 2010

Tempo...

 Ele vem, ele vai... passa devagar, ou sai correndo na nossa frente. Ontem, fui na formatura de nono ano da minha amiga, Gabriela T. A. A mãe dela, Angela, começou a chorar. Deixei ela chorar e quando ela se acalmou, eu perguntei: por que você estava chorando? Ela, por sua vez, me respondeu: Eu estava lembrando da minha época de colégio, dos meus professores, colegas. Não sei onde estão, como estão, nem se estão vivos ou já morreram.
 Sim, pensei com a minha consciência... como será para nós? Acho que nunca esqueceremos nosso tempo de colégio onde a maior parte da nossa vida foi vivida e construída. Pessoas passaram pela nossa vida... algumas se tornaram próximas e continuarão, outras, irão embora. E quando a saudade bater bem na porta do nosso coração, iremos sofrer pelo desespero que a saudade nos traz.
 Espero poder continuar a ver ao menos alguns dos meus amigos. Vejo que essa era da tecnologia tem seus pontos positivos: o orkut pode nos ajudar, por meios das comunidades de colégios e tal... minha mãe já encontrou antigos amigos pelo orkut! Pessoas que ela não falava há anos! Falei isso pra Angela, e ela sorriu. E eu vi que por mais besta que minha solução pudesse parecer, era algo. E quando temos algo na mão, uma esperança, por menos que seja, a agarramos com todas nossas forças.
                                            E vocês, sentem saudade de alguém?

0 comentários:

Postar um comentário

Participe você também. Construímos esse blog juntos, e eu quero saber a opnião de vocês sobre os posts, as dicas e tudo mais!